Pesquisa Ipec em Pernambuco: Marília tem 33%, e Danilo, Raquel, Miguel e Anderson aparecem empatados, com 11%

A pesquisa ouviu 1.504 pessoas entre os dias 18 e 20 de setembro em 57 cidades pernambucanas. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos, considerando um nível de confiança de 95%.

Por g1 PE


Candidatos ao governo de Pernambuco, na ordem da pesquisa Ipec de 21 de setembro — Foto: Reprodução/TV Globo

Veja Vídeo

P

esquisa Ipec divulgada nesta quarta-feira (21), encomendada pela Globo, mostra que Marília Arraes (Solidariedade) se manteve na liderança da disputa, com 33% das intenções de voto para o governo de Pernambuco em 2022. A candidata registrou cinco pontos percentuais a menos do que no levantamento anterior do instituto, divulgado no dia 6 de setembro. 

Em seguida, vêm Danilo Cabral (PSB), Raquel Lyra (PSDB), Miguel Coelho (União Brasil) e Anderson Ferreira (PL), todos com 11%. Os quatro candidatos estão empatados numericamente.

No comparativo com a pesquisa divulgada em 6 de setembro, Danilo e Miguel subiram 3%, Raquel caiu dois pontos percentuais, e Anderson perdeu 1%. As movimentações aconteceram dentro da margem de erro, o que indica um cenário estável na disputa pela segunda colocação.

Intenção de voto estimulada:

 

Fonte: Ipec

·        Marília Arraes (Solidariedade): 33% (38% na pesquisa anterior, em 6 de setembro)

·        Danilo Cabral (PSB): 11% (8% na pesquisa anterior)

·        Raquel Lyra (PSDB): 11% (13% na pesquisa anterior)

·        Miguel Coelho (União Brasil): 11% (8% na pesquisa anterior)

·        Anderson Ferreira (PL): 11% (12% na pesquisa anterior)

·        Pastor Wellington (PTB): 1% (2% na pesquisa anterior)

·        João Arnaldo (PSOL): 1% (1% na pesquisa anterior)

·        Claudia Ribeiro (PSTU): 1% (1% na pesquisa anterior)

·        Jones Manoel (PCB): 1% (0% na pesquisa anterior)

·        Jadilson Bombeiro (PMB): 0% (1% na pesquisa anterior)

·        Ubiracy Olímpio (PCO): 0% (0% na pesquisa anterior)

·        Brancos e nulos: 12% (8% na pesquisa anterior)

·        Não souberam: 7% (8% na pesquisa anterior)

·        A pesquisa ouviu 1.504 pessoas entre os dias 18 e 20 de setembro em 57 municípios pernambucanos. A margem de erro é de três pontos percentuais para mais ou para menos, considerando um nível de confiança de 95%. A pesquisa foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob o código BR-00352/2022.

Rejeição

Veja em quem os entrevistados pela pesquisa disseram que não votariam de jeito nenhum.

Resposta estimulada e múltipla:

·        Danilo Cabral (PSB): 23% (25% na pesquisa anterior, em 6 de setembro)

·        Anderson Ferreira (PL): 23% (19% na pesquisa anterior)

·        Pastor Wellington (PTB): 20% (18% na pesquisa anterior)

·        Marília Arraes (Solidariedade): 19% (16% na pesquisa anterior)

·        Miguel Coelho (União Brasil): 17% (14% na pesquisa anterior)

·        João Arnaldo (PSOL): 16% (14% na pesquisa anterior)

·        Jones Manoel (PCB): 14% (14% na pesquisa anterior)

·        Ubiracy Olímpio (PCO): 13% (14% na pesquisa anterior)

·        Claudia Ribeiro (PSTU): 13% (12% na pesquisa anterior)

·        Jadilson Bombeiro (PMB): 13% (11% na pesquisa anterior)

·        Raquel Lyra (PSDB): 11% (11% na pesquisa anterior)

·        Poderia votar em todos (resposta espontânea): 3% (5% na pesquisa anterior)

·        Não sabe: 19% (20% na pesquisa anterior)

Senado

Confira quais as intenções de voto para o Senado, de acordo com a pesquisa Ipec.

Resposta estimulada e única:

·        Teresa Leitão (PT): 25% (24% na pesquisa anterior, em 6 de setembro)

·        André de Paula (PSD): 11% (10% na pesquisa anterior)

·        Gilson Machado (PL): 9% (9% na pesquisa anterior)

·        Guilherme Coelho (PSDB): 9% (9% na pesquisa anterior)

·        Carlos Andrade Lima (União Brasil): 3% (2% na pesquisa anterior)

·        Roberta Rita (PCO): 2% (3% na pesquisa anterior)

·        Esteves Jacinto (PRTB): 2% (3% na pesquisa anterior)

·        Eugênia Lima (PSOL): 1% (2% na pesquisa anterior)

·        Dayse Medeiros (PSTU): 1% (3% na pesquisa anterior)

·        Teio Ramos (PMB): * (* na pesquisa anterior)

·        Brancos e nulos: 21% (19% na pesquisa anterior)

·        Não souberam: 16% (17% na pesquisa anterior)

·        O candidato Teio Ramos (PMB) não aparece nesta pesquisa, pois a candidatura dele foi retirada pelo Partido da Mulher Brasileira.

·        Simulação do 2º turno: Marília vence Raquel e Anderson




Os candidatos Miguel Coelho (UB) e Danilo Cabral (PSB) não foram testado na simulação de segundo turno porque ambos nas pesquisa anterior não atingiram os dois dígitos.

·        Rejeição: Danilo e Anderson têm maiores índices de rejeição, com 23% cada um

·        Senado: Teresa, 25%, André, 11%, Gilson, 9%, Guilherme, 9%

·        Avaliação: 56% reprovam gestão do governador Paulo Câmara em PE; 14% aprovam

 

  

Postar um comentário

0 Comentários